Imprimir Resumo


Simpósio Mundial de Estudos de Língua Portuguesa
Resumo


Aprender portuguÍs L2 em Turma de Acolhimento

Autores:
Belisanda de Jesus da Silva Soares Tafoi (AED-POC - AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA DAMAIA - EB2/3 PRO. PEDRO D'OREY DA CUNHA)

Resumo:

 

Portugal, nas últimas décadas, tornou-se um país de acolhimento e de integração de alunos com perfis linguísticos diferenciados. O impacto no sistema educativo português salientou as dificuldades dos alunos em português L2, no desconhecimento do currículo e cujo sucesso escolar deriva do conhecimento e aprendizagem da língua de escolarização, evitando “a exclusão e a formação de guetos urbanos” (Norte et al. 2004:30).

Partindo das dificuldades mais marcantes, propõem-se estratégias e metodologias que facultem o conhecimento no domínio lexical, que permita a interação oral com os falantes nativos, a compreensão da leitura e da escrita, e o reconhecimento das regras de uso da língua, alertando para os aspetos formais na aprendizagem de L2.

A imersão, em contexto linguístico com falantes nativos, no modelo Turma de Acolhimento, clarifica, explicita e reformula aspetos metalinguísticos da aprendizagem de português L2 e remete para uma perspetiva sistémica, enquanto eixo central da mudança educativa, a partir de experiências relevantes (Flum & Kaplan, 2012), permitindo a compreensão do referencial educativo sobre a apropriação e aplicação do conhecimento e a capacidade de “refletir sobre a língua materna ou estrangeira, de a utilizar ou de agir sobre essa língua, tendo em conta o conhecimento sobre as regras de funcionamento” (Ançã & Alegre, 2003:37).

Aponta-se para sucesso de 100% e/ou 50% consoante o momento de integração na Turma de acolhimento.